Tarteletes de Fruta


As férias que estão quase, quase a chegar.  
O partir à descoberta de novos espaços, rever outros e olhar para alguns mudados é sempre tão gratificante, mas continuo achar que o melhor mesmo é encontrar pequenos tesouros, daqueles espaços que se encontram por acaso, e que ficam sempre guardados na memória e nas conversas. 


Alguns desses tesouros podem ser uma pastelaria, sim, uma pastelaria.
Entrar e ver que é diferente, que não existe só massa folhada e cremes, eu gosto de massa folhada e de cremes, mas há muito que deixei de apreciar esse tipo de docinhos em pastelarias, prefiro ser eu a fazer, mesmo que a massa seja de compra, pelo menos o creme não é um  pó ao qual basta juntar água, por isso sempre que encontro uma montra com tarteletes de limão, fraisier, opera e macarons fico com vontade de provar tudo.


Claro, que existe sempre um bolinho de pastelaria que me faz suspirar, e em criança todos os domingos tinha direito a um, sabiam tão bem.
E sempre existiu um que eu adorava, tarteletes de fruta, um creme bem amarelo, a fruta colocada minuciosamente e brilhante, era uma alegria sempre que me calhava esse.
Hoje continuo a gostar de as ver, e foi num desses dias que que pensei em as fazer, e aí descobri que tenho a melhor receita de tarteletes,  ou melhor, o creme é mesmo muito, muito bom, claro que podia ter colocado no topo muitas mais frutas,  mas já disse que o creme é delicioso?


Tarteletes de Fruta

Massa:  
receita retirada do livro O prazer da doçaria

  • 2 colheres de sopa de coco ralado
  • 90 gramas de manteiga fria em cubos 
  • 60 gramas de açúcar
  • 180 gramas de farinha 
  • 1 ovo 
  • 1 pitada de sal 

Recheio: 
receita retirada O Livro de Pantagruel

  • 15 colheres de sopa de leite
  • 2 colheres de sopa de farinha 
  • 1 colher de chá de essência de baunilha 
  • 100 gramas de açúcar 
  • 150 ml mal  medidos de natas 
  • 2 ovos muito bem batidos 
  • fruta a gosto para decorar 

Massa: 
Amassar rapidamente todos os ingredientes, formar uma bola e envolver em película aderente, colocar 45 minutos no frigorífico. 

Barrar com manteiga 10 formas de tarteletes ou queques. 

Polvilhar com farinha a bancada, amassar um pouco a massa, com ajuda do rolo estender e forrar as formas com a massa. 

Pré-aquecer o forno a 175ºC. 

Com um garfo picar a massa, cobrir cada forma com um pouco de papel vegetal e dispor alguns feijões secos. 

Levar ao forno cerca de 15 minutos. 

Retirar,  colocar as formas sobre uma rede de cozinha e deixar arrefecer completamente. 

Desenformar. 


Recheio: 
Desfazer a farinha no leite, juntar o açúcar, os ovos. 

Levar ao lume em banho-maria, mexendo sempre até engrossar, retirar e juntar a baunilha, tapar com película aderente, deixar amornar. 

Bater as natas e envolver no creme morno. 

Encher as tarteletes em massa com o recheio e decorar com fruta a gosto.

Bom Apetite...

23 comentários:

  1. Oh minha querida!
    Como compreendo essa tua curiosidade sobre a pastelaria! Apesar de estar em mudança de hábitos alimentares, o "meu tico e teco" estão sempre em discussão porque cada vez que vejo um docinho deste género apetece-me experimentar. Não só pelo prazer de comer, mas pelo de fazer.
    Fotos lindas... quem me dera chegar a este nível! Fantástico!
    um beijinho

    ResponderEliminar
  2. Estas tarteletes são de ficar com água na boca!

    ResponderEliminar
  3. Para as minhas férias ainda falta um bocadinho :p Mas espero que as tuas estejam quase e sejam óptimas!
    Com muitas tarteletes assim, lindas :)
    Ficaram perfeitas, lindíssimas, dignas de uma pastelaria!
    Eu também prefiro os docinhos feitos em casa, são muito melhores, têm um sabor muito mais autêntico :)
    Um grande beijinho querida

    ResponderEliminar
  4. Querida Sandra: tão mimosas e delicadas estas tuas tarteletes. O creme deve ser mesmo uma delícia,mas também gostei muito da receita da base. Ficaram lindas, tal como as fotos o podem comprovar.
    Bjn e boas férias
    Márcia

    ResponderEliminar
  5. Lindíssimas, delicadas e tentadoras, comeria duas agora mesmo! Um primor!!
    Ótima tarde pra vc!

    ResponderEliminar
  6. Estão mesmo com um aspeto delicioso :) Adorei o blog e sou uma nova seguidora! :)

    http://checkinonline.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  7. Por acaso não me lembro de comer nenhuma tartelete em criança, mas também nunca comi muitos desses bolos de pastelaria. As tuas estão com um creme tão apetitoso que apetece experimentar! Que cremosidade :)
    Realmente agora as pastelarias são um bocado sempre o mesmo... Que se há de fazer, não é? :P

    ResponderEliminar
  8. Uummmmmmmmmm a que hora dices que me pase a cenar , seguro estan de rexupete a mi me encantarian seguro,te han quedado de relujo.
    Como siempre receta y fotos son de 20 points.
    Bicos mil y feliz semana wapa.

    ResponderEliminar
  9. Sandrinha minha querida,
    tirar férias é muito bom, viajar, descansar e fazer coisas gostosas na cozinha,
    são tantos opções que podemos fazer nas férias!
    Sempre que tiro férias, faço uma pena viagem e quando eu volto pra casa, coloco minhas
    coisas em dias, vou p/ o clube tomar sol, adoro ver filmes com a minha família e tbm não
    deixo de fazer minhas receitinhas gostosas!
    Suas tarteletes estão mais bonitas do que as de pastelaria, a massa e o recheio são super
    atrativos, ótima sugestão, amei!
    As fotos estão super mimosas, tudo lindo!

    Bjs, fique com Deus! ♥

    ResponderEliminar
  10. Sandrinha querida que lindas suas tarteletes, adorei o creme e sou super fã de framboesas. Um doce delicado e com uma apresentação linda. Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Minha linda,
    como eu te percebo, há montras de pastelarias que deviam ter bolinha vermelha.
    Lembro-me que em pequena também haviam domingos com direito a um bolinho na feira. Havia uma boleira que fazia coisas fantásticas e eu perdia-me nas cornucópias acabadas de fazer.
    Que lindas as tarteletes, todo o cenário cheio desta luz de verão!
    Que venham as férias e que te divirtas muito, com muitos bolinhos na mão :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  12. Que maravilha! As tuas receitas e as tuas fotos arrebatam-me sempre! Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Ferias...q bom. Por aqui este ano não há disso, senão adorávamos um salto a Viana, Praia Norte, Cabedelo eheheh...
    Lindo tudo Sandra...as fotos, as tartelettes, a louça...adoro.
    O cake stand e do Coco e Baunilha? bjinhos.

    ResponderEliminar
  14. Querida Sandrinha,
    As montras das pastelarias também nos levam de férias e a viajar, tens toda a razão e estas tuas tarteletes são dignas de uma qualquer montra de pastelaria fina, pois estão lindas de morrer e com um aspecto de babar!!
    As fotos estão lindas como sempre e adoro os tons suaves escolhidos e o lindo cake stand da patrícia!!
    Um beijinho minha querida,
    Lia

    ResponderEliminar
  15. Te han quedado unas tartaletas divinas querida amiga, tienen toda la pinta de ser un bocad de Reyes. Mil besicos cielo

    ResponderEliminar
  16. que delicia e que lindo eu gamei bjokas

    ResponderEliminar
  17. Que lindas! Tão simples e tão belas, adoro!!
    Vou levar a receita para um dia de inspiração!!
    Beijinhos do Paraíso *-*

    ResponderEliminar