Bolo São Marcos


Provei o melhor São Marcos de sempre em Madrid, numa pastelaria com uma montra cheia de cor e formatos graças aos doces que lá estavam, não me lembro o nome, apenas sei que fica numa das ruas de acesso ao museu do Prado, e na verdade apenas consegui dar uma garfada pequena, mas ficou-me na memória o quanto era bom e tão diferente do que se faz por cá.


Só comi uma única vez uma fatia de São Marcos por cá, e não gostei nada, para mim era apenas uma fatia de um bolo com massa de pão de ló e chantilly, e não devo ser só eu achar o mesmo pois nunca mais vi algum nas montras.
Quando a Susana lançou o tema para mais uma edição do Sweet World eu já sabia que receita fazer, tinha recebido este livro há algumas semanas e já tinha decidido que a primeira receita que faria seria um São Marcos, e aqui está ele, aquela camada brûlée combinada com a frescura da mousse de chocolate e do creme de baunilha foi o que mais gostei, e embora possa parecer um bolo trabalhoso não é de todo, precisam é de ter em conta que devem começar um dia antes pois necessita de ser refrigerado.
Caso não queiram fazer a glaze em nada vai prejudicar o vosso bolo pois esta serve para o açúcar não cristalizar, para conservar e para dar brilho, já tinha feito algumas receitas com açúcar queimado e notei bem a diferença usando a glaze mas já sabem com ou sem ela fica bom na mesma.


Bolo São Marcos 
receita retirada do livro Bake Off:Crème de La Créme

Massa de Chocolate 
  • 80 gramas de claras
  • 65 gramas de claras 
  • 50 gramas de açúcar em pó 
  • 50 gramas de amêndoa moída
  • 25 gramas de farinha 
  • 25  gramas de cacau em pó 
  • 25 gramas de açúcar 
  • 25 gramas de manteiga manteiga derretida e fria
Massa de Baunilha 
  • 80 gramas de claras
  • 65 gramas de claras 
  • 50 gramas de açúcar em pó 
  • 50 gramas de amêndoa moída
  • 50 gramas de farinha 
  • 25 gramas de açúcar 
  • 25 gramas de manteiga manteiga derretida e fria
  • 1 colher de chá de extracto de baunilha 
Calda de Açúcar
  • 70 gramas de licor de amêndoa
  • 30 gramas de água 
  • 30 gramas de açúcar 
Mousse de Chocolate
  • 100 gramas de chocolate preto
  • 45 gramas de açúcar
  • 1 gema 
  • 1 ovo batido
  • 200 gramas de natas
Creme de Baunilha 
  • 5 gramas de gelatina em pó
  • 20 gramas de água fria
  • 250 gramas de natas 
  • 15 gramas de licor de amêndoa 
  • 25 gramas de açúcar em pó
  • 1 colher de chá de  extracto de baunilha 
Glaze 
  • 100 gramas de água 
  • 70 gramas de glucose 
  • 65 gramas de açúcar 
  • 3 gramas de pectina 
  • 1 grama de ácido cítrico 
Cobertura Brûlée  
  • 40 gramas de açúcar em pó

Massa Chocolate: 

Pré-aquecer o forno a 180ºC. 

Barrar com manteiga e polvilhar com farinha uma forma redonda com 20 cm, reservar. 

Numa tigela colocar as 80 gramas de claras, o açúcar em pó, as amêndoas, a farinha e o cacau, misturar tudo muito bem.

Bater as restantes claras em castelo juntamente com as 25 gramas de açúcar.  

Envolver as claras em castelo na mistura da massa de chocolate e por fim juntar a manteiga derretida e fria, voltar a envolver até ficar tudo bem incorporado.  

Deitar a massa na forma e levar ao forno cerca de 10 minutos.  

Retirar o bolo do forno e deixar arrefecer cerca de 5 minutos, desenformar e deixar arrefecer sobre uma rede de cozinha.  

Massa de Baunilha: 

Proceder da mesma forma que a massa de chocolate, omitindo o cacau que deve ser substituído pelo extracto de baunilha. 

Calda de Açúcar: 

Colocar todos os ingredientes numa tigela pequena durante 10 minutos e mexer de vez em quando até o açúcar estar dissolvido.

Mousse de Chocolate: 

Levar o chocolate partido em pedaços pequenos a derreter ao lume em banho-maria, retirar e reservar. 

Numa tigela que possa ir ao lume em banho-maria colocar o açúcar, a gema e o ovo, cozinhar cerca de 10 minutos mexendo sempre até o preparado engrossar, retirar do lume e mexer vigorosamente com uma vara de arames 5 minutos. 

Bater as natas até ficarem firmes.  

Misturar a mistura dos ovos no chocolate e por fim as natas firmes, envolver até estar bem incorporado. 

1 Montagem: 

Dispor o bolo de chocolate no prato em que o vai servir, colocar um aro em volta e ajustar a medida, devendo ficar bem apertado.  

Pincelar o bolo com a calda de açúcar, espalhar a mousse de chocolate sobre o bolo com ajuda de uma espátula, levar ao frigorífico 30 minutos e entretanto fazer o creme de baunilha. 

Creme de Baunilha: 

Colocar a água numa tigela pequena e salpicar com a gelatina em pó, deixar repousar até a gelatina absorver a água. 

Aquecer 75 ml de natas sem deixar ferver, apenas até ficar morno, juntar na gelatina e mexer tudo até a gelatina estar dissolvida, juntar o extracto, mexer. 

Bater as natas com o açúcar em pó até  ficarem firmes e envolver na mistura da  gelatina. 

2 Montagem: 

Retirar o bolo do frigorífico e espalhar com ajuda de uma espátula o creme de baunilha sobre a mousse de chocolate, levar a refrigerar 30 minutos. 

Passados os 30 minutos colocar o bolo de baunilha sobre o creme e pincelar com a calda, voltar a levar ao frigorífico 6 horas.  

Glaze:  

Colocar a água e a glucose num tacho pequeno e levar ao lume até estar tudo dissolvido mexendo sempre, caso tenha termómetro a temperatura deverá chegar aos 40ºC. 

Numa taça pequena mexer o açúcar com a pectina, adicionar à mistura da glucose e deixar ferver, cozinhar por mais um minuto, adicionar o ácido cítrico e mexer durante um minuto, retirar do lume, reservar. 

3 Montagem:  

Retirar o bolo do frigorífico, passar uma faca em volta do bolo com cuidado e tirar o aro.

Polvilhar com o açúcar em pó, queimar com um maçarico de cozinha ou com  ferro do leite creme, com um pincel espalhar a glaze pelo topo do bolo, deve pincelar  mais que uma vez. 

Levar ao frigorífico cerca de duas horas. 

Bom Apetite...

14 comentários:

  1. Fiquei a babar com este São Marcos Sandra :)
    Confesso que ainda não tive coragem para por mãos na massa e fazer um cá em casa. Os meus vizinhos têm uma pastelaria e a especialidade é São Marcos e Natinhas do céu por isso acho sempre que não consigo superar a qualidade que têm... mas um dia destes tenho que perder o medo e deixar de ser resistente!
    O teu ficou lindo e tem um aspecto delicioso! :D
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Oh Sandra, tivesses as pastelarias portuguesas São Marcos como esse teu e seriam um sucesso! Ficou lindo e tão perfeito! De sabor delicioso, com certeza! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. O bolo São Marcos já é o que é... agora acompanhado de mimosas!!! AMO
    Pena que não encontro por cá.
    Lindíssimo e perfeito o teu bolinho
    Beijoca, querida e saudades.
    C

    ResponderEliminar
  4. Nas pastelarias o São Marcos nunca me cativa muito... talvez porque também tive algumas experiências menos positivas. O teu ficou lindo e com um aspecto super apetitoso!

    ResponderEliminar
  5. Que ótima receita. Un perfecto bolo Sao Marcos, delicioso!!
    Beijinhos.
    Rosa, paprikaenlacocina.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Ficou lindo querida Sandra!
    Não é dos bolos que me chame a atenção, mas tenho ficado rendida com uns quantos desta edição!
    O teu está tão bonito :)
    E essa parte de cima deixa-me a salivar! Deve combinar na perfeição, o crocante com a frescura do bolo.
    Um beijinho querida

    ResponderEliminar
  7. Bem, bem... Sandra! Que dizer? :D
    Versão extraordinária deste bolo que adoro. Se já me apaixona em modo original, só fico a imaginar como seria perfeito devorar uma ou várias fatias desta versão tão apaixonante.
    Adorei!!!
    E as tuas fotos que estão tão lindas?! (ainda tenho de ir espreitar uma tarte de chocolate que vi algures retratada sublimemente!)
    Muitos Parabéns por tudo, bolo e composição. Que beleza!

    E Muito Obrigada pela participação no SW! :)

    Bjinhosss

    ResponderEliminar
  8. Bem, bem... Sandra! Que dizer? :D
    Versão extraordinária deste bolo que adoro. Se já me apaixona em modo original, só fico a imaginar como seria perfeito devorar uma ou várias fatias desta versão tão apaixonante.
    Adorei!!!
    E as tuas fotos que estão tão lindas?! (ainda tenho de ir espreitar uma tarte de chocolate que vi algures retratada sublimemente!)
    Muitos Parabéns por tudo, bolo e composição. Que beleza!

    E Muito Obrigada pela participação no SW! :)

    Bjinhosss

    ResponderEliminar
  9. É um bolo que não conheço e nunca provei.
    Do que já vi, não me apela muito a fazer e a comer, mas ao ver o teu fiquei a pensar que não me importava nada de comer uma fatia!
    Adorei esta tua versão, sublime! Deve ter ficado delicioso e as fotos lindas. Melhor melhor, já sabes, era partilhar uma fatia na tua companhia. Saudades.
    Um beijinho meu doce.

    ResponderEliminar
  10. Eu nunca provei nenhum 'normal', tentei fazer mas não solidificou! O teu ficou mesmo lindo e único :)

    ResponderEliminar
  11. Adoro!! este ficou maravilhoso deve estar delicioso. Beijinhos
    http://asreceitasdasisi.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Adoro bolo Sao Marcos, este ficou com muito bom aspecto! Vou tentar fazer um dia destes...

    Beijinhos
    ssomethingsweet.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  13. Minha querida, vim aqui parar por causa do teu Windtorte e nem acredito que este teu post me escapou. Falha imperdoável.
    Acreditas que tenho esse livro e não me lembro nada de lá ter visto o São Marcos? é o que faz a fartura, pois fiz o meu usando uma receita que nem gostei nada e acredito que este me teria convencido, mas agora que me chamaste a atenção, quem sabe não lhe dou uma segunda oportunidade...
    Beijinho linda,
    Lia

    ResponderEliminar